bonita_sem_vergonha

TODAS AS FORMAS DE ‘SER BONITA’

Conceito_Sem_Vergonha março 25, 2009

Filed under: Video Conceito_sem_vergonha — samthing @ 4:42 pm

 

“Nós acreditamos que beleza não é um conceito subjetivo, muito pelo contrário – ele deve ser real, aplicável e modificador”.

 

 

Parceiras de trabalho desde 2006, a psicóloga e fotógrafa de moda Bia Ferrer e a estilista, produtora de moda Sah Almeida se uniram para falar sobre imagem abordando o assunto sob uma ótica funcional e realista.

 

Bonita_Sem_Vergonha é um movimento em prol da democracia da informação da beleza. E não falamos apenas da beleza da imagem, mas de tudo que está por de trás dela.

 

Em tempos apreensivos de crise, vender/oferecer um produto/serviço é uma arte e para se diferenciar, se destacar em um mercado cada vez mais competitivo é necessário unir determinação, competência e auto-confiança. E ninguém mais confiante do que alguém que acredita em si mesmo. Que aposta na própria imagem, e transmite segurança – seja qual for sua área de atuação. 

 

Para isso oferecemos ferramentas simples, acessíveis para que as pessoas se tornem o melhor cartão de visitas delas mesmas! Uma palestra muito divertida com linguagem acessível para quem é/quer ser/já foi/ou esqueceu como faz para se manter DESAVERGONHADAMENTE BONITA!

Carinhosamente,

Bia & Sah

bonitasemvergonha@gmail.com


 
**************************************************************************************************

 

 

Os padrões estéticos femininos existem. Fato. 

 

E algumas mulheres farão parte desse seleto clube (sucesso para elas!), enquanto a maioria nunca se encaixará perfeitamente neles. 

 

A maioria de nós teremos dias de “princesa”, noites de “madrasta” e algumas madrugadas de “sapa”. Brigaremos com a balança, com a escova progressiva, com o espelho, com o bumbum… Com o chefe, com o namorado/marido/namo-rido e com o  paquera do estacionamento.

 

Deitaremos na cama para entrar na nova calça Jeans e nos sentiremos M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-A-S em vestidos de noiva. Cruzaremos os dedos na hora de saber o sexo do primeiro filho e pediremos apenas por saúde no segundo. Sonharemos com uma empresa que ofereça manicure duas vezes por semana e pague uma boa faculdade para filhos que ainda nem chegaram no colegial. Em nossas vidas talvez não haja sessões de foto luxuosas, quilos de maquiagem ou correções de Photoshop. Nem guarda-roupas repleto de marcas de nomes impronunciáveis e sapatos italianos, mas talvez o que nos torne verdadeiramente especial, não seja nada disso, mas apenas ser exatamente como somos: Reais.

 

E depois de sair de casa sem tempo de tomar café-da-manhã, enfrentar um esquadrão de motoboys na Marginal, ter longas reuniões de trabalho, aula de hidroginástica no almoço, pegar as crianças na fono e preparar o jantar é difícil ESTAR BONITA.

Até porque ‘ESTAR’ é verbo transitório, efémero. SER BONITA vai além daquilo que enxergamos. Está em tudo o que fazemos para os outros e mais ainda por nós mesmos. E aí sim faz sentido pensar em imagem. Nossa imagem pode ser um presente que oferecemos para aqueles que nos cercam. 

 

SER BONITA SEM VERGONHA é se expor  com confiança, sem medo de se experimentar.

 

Somos incontáveis mulheres além daquela que parecemos ser. Mas é essa, a que o mundo vê, quem abre as portas para o mundo nos descobrir, nos ver como realmente merecemos e se conseguirmos ver toda nossa BELEZA os outros também verão. 

 

SER BONITA é um movimento em prol da felicidade através da democracia da beleza. Das informações de moda, maquiagem, estética de forma simples, sem mistérios ou ideais inatingíveis. 

 

Um guia com as principais ferramentas de como encontrar a sua identidade visual. Sem nenhuma pretensão de rotular ou estereotipar o que é bonito, o que é  correto ou adequado por que isso não é justo. Somos diferentes umas das outras e isso é nossa grande vantagem! Somos o que somos, oras! E o auto-conhecimento é um grande libertador.

 

Arrisque-se conosco, o mundo lá fora te espera ansiosamente!

Carinhosamente,

Bia&Sah

 

 

Palestra AAPSA agosto 26, 2009

Filed under: 1 — samthing @ 10:57 pm

Minhas queridas,

 

Em nome do ‘BonitaSemVergonha’  gostaria de convidá-las para nossa apresentação amanhã no espaço AAPSA às19:30hs. Vai ser uma delicinha para meninas, com um coffe e 1 horinha de especulações modísticas de primeira qualidade. Espero vocês lá, será um prazer de verdade!

 

Carinhosamente,

 

Sah Almeida & Bia Ferrer

 

bonita

 

“É primavera….por onde começar?!” agosto 21, 2009

Agora sim é hora de darmos ‘bye-bye’ ao Outono-Inverno e saudarmos colorosamente (claro!) a Primavera-Verão 2010 – que apesar de ainda não ter dado efetivamente as caras na maioria dos estados brasileiros, já começa a mostrar novas possibilidades na hora do famoso dilema feminino: “com que roupa eu vou?“.

 

Mais do que vibrar pela chegada da estação das flores, é hora de se esbaldar, porque foi dada a largada no calendário fashion das LIQUIDAÇÕES!

É muita pechincha, minha gente!!! Precinhos pequenininhos e deliciosinhos que não acabam mais!!!! Se preparem e – Vamos gastaaaaaaaaarrrrrrrrrrrr!

(Ui – desculpa, desequilibramos…)

 

Mas antes de sair por aí com o cartão em punho desbravando toda e qualquer arara de promoções – sim, a gente não brinca com dinheiro, meu beim… – é bom respirar, tomar duas doses reforçadas de Maracujina, rezar um pai nosso e pedir proteção à Santa Edwiges – protetora dos pobres e endividados.

Acho que nem precisamos dizer que essa é a hora perfeita de reformar o guarda-roupas e se ‘jogar’ nas etiquetinhas de 60/70/80%Off que estão a mais pura tentação nas vitrines shoppings a fora.

 

Mas ps, são nessas horas que nosso radar de “tenha dó do seu cartão” deve estar ligado na potência máxima e o bom-senso a todo vapor. Afinal, nada pior do que ter na fatura um sapato de onça que não cabe no seu pé, duas jaquetas de pêlo (falso) que não combina com nada no guarda-roupa, um sari indiano que só fica bem na Juliana Paes e pior… Se perguntar em como pagar a primeira prestação de tudo isso!

Parece piada mas que atire a primeira pedra a mulher que não tenha no guarda-roupa uma peçade roupa ainda com a etiqueta porque nunca achou onde/como e-ou com quem usar… Mas sabe como é, né?! Ela era tão moderna no final do verão de 97, que você acreditou que valia pena comprar…

Sendo assim, a melhor dica que uma bonita-sem-vergonha pode receber é: comprar com parcimômia.

 

(Parcimônia é um conceito de frugalidade, economia ou precaução ao chegar a uma hipótese ou curso de ação. Seu significado pode ser traduzido por “menos é melhor”. Trata-se de um princípio geral que tem aplicações desde a ciência até a filosofia e em todos os campos relacionados a elas.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Parcim%C3%B4nia)

 

Olhe e analise cada roupa/acessório com o mesmo critério que você olharia se ela estivesse sendo vendida pelo preço cheio. Muitas roupas parecem um ótimo negócio porque estão com descontos mas se você parar e pensar nelas no preço original da etiqueta elas seriam caras, dispensáveis e muitas vezes absurdas!

Fica o exercício:

Viu com 80% de desconto uma jaqueta de couro de cobra metalizada dourada, com ombreiras,  tachas gigantes e salivou se imaginando sábado a noite só arrasando na pixxxta com a sua sadália também metalizada dourada  e sentiu o irresistível impulso de colocar a peça na sacolinha…

 

BÉÉÉÉÉÉMMMMMMMMMM!!!!!!!!!!!!BÉÉÉÉÉÉMMMMMMMMMM!!!!!!!!!!!!Alarme vermelho acionado.

 

RESPIRE! Três vezes. E pense…. Com 80% a mais no preço você teria comprado essa peça?

Será que mesmo que se tivesse comprado você teria com o que combiná-la – além da sandália, claro… Ou teria que comprar uma calça, uma blusa e uma bolsa paa poder usar uma peça tão extravagante?!

E por último… Depois da noite de sábado a noite você ainda vai conseguir usar a jaqueta ou terá que doá-la ao bazar de caridade da igreja do bairro porque você só usou duas vezes a relíquia mas ela chamou tanta atenção que seus amigos não pararam de comentar que você só usa essa jaqueta brilhante!!!

 

E mais: PORQUE ELA ESTÁ COM 80% DE DESCONTO?!??!?!?!?!?! Deve ser bem porque com esse bando de informação nada básica essa danada, sem-vergonha encalhou na loja por 6 meses e agora nem a estilista que a criou(em um dia de ‘muita’ inspiração) quer uma!

😉

 

Viu……………..?!Não vale a compra. Seu cartão escapou por pouco.

 

Mas como não somos só de dar banho de água fria em nossos amados/amadas leitoras/leitores, fica a dica de que quem se conhece, sabe o seu estilo e principalmente adora pagar pouco e bem por peças que valem a pena hoje, amanhã e sempre – Coooooooooooooooorraaaaaaaaaaaaaaaa!

Essa é a época de fazer  compras e melhor de tudo: sem grandes culpas!

JOGUE-SE ‘NOW’!

Carinhosamente,

Bia & Sah

 

Olha UMA diquinha que boa aí embaixo de por onde começar:

http://www.docdog.com.br/

Pecinhas baratas e para lá de modernitchas!

 

Outra beleza julho 31, 2009

Filed under: Beleza — samthing @ 12:42 am
Outra beleza
Outra beleza, você tem
que põe cama e mesa
E mais beleza no mundo também.

Não tá frio da pedra, do bronze ou da tela
Tá no olhar, tá no movimento dela
Em cada suspiro de amor.

Cada gesto de mão, cada novo sabor
Cada ocasião em que a alma se revela.

O sol põe na paisagem da minha janela
Se o telefone tocar já sei que é ela
De caras e bocas e marcas
De ostentação, de comparação
Não precisa não
Você é muito mais bela !
 

A beleza de cada um

Filed under: Beleza,Bem vindo!,Videos — samthing @ 12:18 am

Sabemos que é clichê  falar que cada um tem um tipo de beleza… Que muito do que é belo está nos olhos de quem vê e não do que é visto… E que ser mais ou menos bele é questão de conceito, de referências.

Mas talvez nunca seja realmente clichê, lembrar de que definitivamente beleza e felicidade andam de mãos dadas e que a vida é repleta de espelhos apontados para nós.

E sendo assim – quanto mais vemos o belo, mas belos nos tornamos.

 

Carinhosamente

Bia & Sah

 

 

A ‘Boyle’ que há em cada um de nós… junho 2, 2009

Filed under: Padrões(muito)_Sem_Vergonha — samthing @ 1:13 am

 

susan-boyle

 

 

Quando comecei a escrever esse ‘post’ ainda não tinha assistido a famosa apresentação de Susan Boyle no Britains’s Got Talent – o Ídolos inglês.

 

Confesso que mesmo depois de até o Fantástico se render aos tais encantos (esteticamente pouco notáveis) dessa cantora escocesa amadora que virou febre na internet –  ainda resistíamos bravamente.

 

E não pelo preconceito estético – o que realmente não faz parte da filosofia desse blog, mas por preguiça de pesquisar/entender/escrever sobre aquilo que todo mundo já havia pesquisado/entendido/e/escrito…

Afinal, mais do mesmo não né?! Gostamos de novidades!

 

Mas descrentes que somos fomos surpreendidas pela notícia de que a ‘super-nova-mega-estranha-star’ não havia ganho o programa (vitória que já era dado por certa), daí não resistimos: paramos no youtube e assistimos/baixamos/caçamos TUDO!

 

Bendita hora. Bendita Susan.

 

O problema foi que o dilema mudou e se tornou em sobre o que escrever, que mesmo já escrito milhares de vezes, ainda fosse uma verdade para a gente e para você também.

———Não teve jeito.  

 

O coração se encheu de emoção e os olhos de lágrimas ao ver aquela mulher de imagem nada convencional, aparência desleixada que aos 47anos diante de um corpo de jurados desconfiados e uma platéia ácida se abre diante do mundo para encontrar… Ou melhor – para se dar UMA GRANDE CHANCE.

 

E por mais piegas que isso pode parecer, seria uma ridícula auto negligência depois assistir a emocionante apresentação dessa mulher, se eu mesma não me fizesse a pergunta…

Será que já me dei essa grande chance?! E se não repassasse a pergunta a diante.

Você já se deu uma grande chance?!

E não estimulasse a todos que amo e até aos que não amo a se questionar também.

 

***

 

Por que mesmo ficamos esperando que alguém nos ofereça essa chance? Porque damos ao outro esse poder quando tudo depende de nós mesmos? E antes que esse texto vire uma sobreposição de obviedades deixo assim… 

 

Tantos riscos in e explícitos na vida que ou corremos alguns no hoje ou morremos de ansiedade por aqueles que estão por vir amanhã.

E mesmo que sem consciência do fato, todos os dias somos julgados, vaiados, aplaudidos de pé por nossas escolhas por amigos, parentes mas na maioria das vezes por completos estranhos.

E mesmo sem nos darmos contas de uma forma ou de outra a história da Fera que na verdade é uma Bela nos toca tanto porque no fundo existem muito mais Susan Boyles pelo mundo do que se pode imaginar ———— e isso é MARAVILHOSO! 

 

Carinhosamente,

Sah

 

 

 

 

Fonte:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Susan_Boyle

 

Susan Boyle (Blackburn1 de abril de 1961) é uma cantora amadora escocesa que se tornou célebre por aparição em 11 de abril de 2009, no reality show Britain’s Got Talent, transmitido pela rede de televisão britânica ITV. Boyle debutou no programa cantando “I dreamed a dream” do musical Os Miseráveis na fase preliminar.

 

Antes de cantar, tanto os jurados quanto o público demonstraram desconfiança por sua aparência desleixada e comportamento inseguro. Em resposta, após a surpreendente apresentação ela foi ovacionada pelo auditório e atordoou os juízes. A audição ocorreu emjaneiro de 2009 no Clyde Auditorium de GlasgowEscócia.

 

O constraste de sua performance com a primeira impressão dada geraram repercussão global. Artigos sobre ela apareceram em jornais de todo o mundo, enquanto vídeos hospedados na internet com sua apresentação bateram recordes.

 

Um dos anfitriões do programa, Simon Cowell, planeja assinar contrato com a cantora amadora através do selo Sony Music. Além disso, ele também planeja fazer um filme sobre a história dela, sendo este, porém, mais focado no desejo dela de participar do Britain’s Got Talent e, consequentemente, sua vitória no programa.

A atriz Demi Moore estaria cotada para viver Susan.

 

Bia Ferrer no Catraca Livre – Acesse! maio 31, 2009

Filed under: Cultura Jovem,De rua para rua — samthing @ 11:43 pm
Tags: , , ,

 

É com muito orgulho que publicamos aqui hoje a matéria que saiu no site Catraca Livre (catracalivre.folha.uol.com.br).

 

http://catracalivre.folha.uol.com.br/2009/05/arte-no-corpo-da-artista/

 

bia na folha

 

Sim, nossa querida fotógrafa BIA FERRER!

E ainda dá mais prazer por saber que O Catraca Livre não é um veículo de moda, como estamos mais acostumadas…

Mas um veículo respeitado e lido por pessoas dos mais diversos interesses por ter como preocupação principal em indicar eventos, ações, talentos, pessoas que façam trabalhos interessantes para os mais diversos tipos de públicos. 

 

proposta catraca

 

Por isso temos muito orgulho de estar lá representados pela Bia, uma das idealizadoras desse blog e ativista da democracia da beleza. 

 

Verdade é que a Bia é uma fotógrafa muito talentosa, com olhos curiosos, pesquisadores e afoitos de encontrar beleza, arte, comportamento em imagens além daquilo o que é óbvio a olhos tão viciados em corrigir imagens no Photoshop.

São tantos símbolos, formas e cores que resultam em escolhas de imagem, escolhas de vida que muitas vezes não cabem em páginas de revistas nem em editoriais de moda… Mas que nos faz pensar sinceramente em quantas de nós realmente caberiam em revistas de moda?! …E quantas das imagens dos editoriais caberiam em nossas vidas?!

E por causa dessas verdades descobertas em cada click é que essa parceira de trabalho e amiga vai a passos largos construindo uma carreira sólida que desfila em qualquer passarela que entenda que todos temos o direito de ser bonitas sem ter vergonha do que se é.

 

Carinhosamente,

(hoje só a) Sah

 

mais bia

 

Um Programa_Sem_Vergonha

MEIAS, NÓS USAMOS!


 

 

Esse é o primeiro programa de uma série que vamos postar aqui.

 

Um dos diferenciais do nosso blog é que a gente produz o nosso próprio material e com isso vamos experimentando, entendendo, descobrindo possibilidades únicas que se para a gente funciona deve funcionar para você também.

 

Esse primeiro material é sobre meia, o ícone fashion de Inverno que invadiu passarelas do mundo inteiro e promete ficar por muitas estações.

Tem algumas possibilidades de combinação, dicas de composição, os tamanhos de meias que existem  e pouco a pouco vamos colocar as dicas e as fotos originais que fizemos aqui nesse ‘post’.

 

Aproveite e divirta-se com nossos erros, acertos, improvisos e muito blá blá blá de moda que eu já disse – NÓS ADORAMOS!

 

CARINHOSAMENTE,

 

Bia&Sah